quarta-feira, 7 de maio de 2008

Aula do dia 06/05

Bizantinos

· 1. Império Romano do Ocidente _ Roma como capital. _ Período Feudal.
2. Império Romano do Oriente _ Constantinopla como capital, atual Istambul, capital da Turquia na Ásia Menor.
· Localização do Império Bizantino _ Entre os mares Negros e Egeu.
· Comércio desenvolvido
· Agricultura com latifúndio, escravos e colonos livres (caracterizada por ter menos revoltas)
· Imperador forte, com poder político, militar e religioso (para ter essa força, o Imperador usou de uma enorme estrutura burocrática)
· Influências latina, oriental e grega
· Principal imperador _ Justiniano (a partir dele, o Império vem declinando levemente)
1. Seus feitos
_ Expansão territorial
_ Construção de Santa Sofia (obra grandiosa)
_ Corpus Juris Civilis - leis romanas organizadas
OBS:
· Algumas nações utilizam parte dessas leis.
· Privilegia os mais poderosos.

· Corpus Juris Civilis _ Subdividida em quatro partes
_ Código - leis.
_ Digesto - Comentários dos juristas.
_ Institutas - princípios do Direito.
_ Novelas - novas leis.
· As revoltas do Império ocorreram devidas
_ Poder centralizado e autoritário.
_ Marginalização dos mais pobres.
_ Altos impostos cobrados.
_ Gastos com militares
_ Revolta de Nike, onde numa corrida de bigas, revoltosos se juntam e reclamam da situação. Vão até o palácio e lá são reprimidos.
_ Religião com diferentes influências (sendo de uma religião espiritual, não material como é no Ocidente).
· Dogma _ Afirmativas que não se discutem.
· Heresia _ Pensamento contrário ao da Igreja.
1. Tipos de heresia
_ Monofisismo - A crença que Cristo só tinha uma natureza, a divina.
_ Iconoclastia - Condenava imagens na religião, e também as destruía.
· Cesaropapismo _ O poder que o Imperador tinha na Igreja (característica do Império Bizantino).
· Cisma do Oriente _ divisão da Igreja em Igreja Apostólica Romana e Igreja Ortodoxo-Grega
1. Crise do Império com a perda de territórios (Península Ibérica e norte africano), pressão de árabes e bárbaros e o aparecimento da IV Cruzada.
· Cruzadas
_ Objetivo inicial - Libertar Jerusalém dos muçulmanos.
_ Depois, junto com os italianos em Constantinopla, usaram para conseguir entreposto comercial.
· No século XV, Constantinopla foi invadida por turcos otomanos, que derrubaram o Império Bizantino e marcando o fim da Idade Média.






11 comentários:

Wendy Anushika disse...

Adorei o resumo, fiz um parecido no meu carderno, porém perdi alguns dados que pude ver aqui, já anotei todos!

O resumo ficou ótimo!
Bem prático!

Viviane disse...

O resumo contém alguns erros. Vou conversar com a dupla e elas farão a correção.

Beijos

catarinaalves__ disse...

Achei legal as fotos. Bem que Vivi disse que eram muito bonitas =)

Em relação a revolta de Nike, não entendi o significado de "numa corrida de bigas". Acho que não prestei atenção na hora que Vivi explicou sobre isso.
Alguém pode me explicar?

;*

Renata disse...

Pessoal como Vivi disse, o texto contém alguns erros. Portanto nesse momento não é para se basear completamente nele.
Estou correndo atras disso, e Catarina ta me ajudando

Iris disse...

"Cisma do Oriente _ divisão da Igreja em Igreja Apostólica Romana e Igreja Ortodoxo-Grega."
vale lembrar que essa divisão ocorreu na Igreja Católica, e que na Igreja Apostólica Romana, existia como liderança, um papa, que era de Roma e que na Igreja Católica Ortodoxa (grega ou bizantina) existia como liderança um patriarca que era de Constatinopla.

anotei esses detalhes e acho que é legal a gente colocar, para que não haja dúvidas.

iris

Viviane disse...

Algumas observações:

- O fato da agricultura do Império Romano do Oriente ser trabalhada tanto por escravos quanto por pessoas livres, faz com que esta região sofra menos com a crise da mão-de-obra escrava que afetou fortemente o Império Romano do Ocidente.

- O cristianismo bizantino foi marcado pela influência ocidental e oriental. Enquanto o cristianismo ocidental caracterizava-se pelo uso de imagens, valorização de relíquias e outros aspectos materiais, o cristianismo bizantino era mais espiritualizado.

- A IV Cruzada teve forte participação de comerciantes italianos. Ao invés de atacar os Muçulmanos, a cruzada se dirigiu à Constantinopla. A partir deste momento a cidade passou a ser controlada pelos comerciantes italianos e tornou-se um entreposto comercial.

Viviane disse...

Catarina,

A corrida de bigas era um esporte muito popular no Império Bizantino. As torcidas se identificavam por cores (os Verdes, os Azuis, os Brancos e os Vermelhos) e cada uma defendia os interesses de determinados grupos. A partir da rivalidade das torcidas começa um protesto contra os altos impostos cobrados. Os rebeldes se espalharam pela cidade causando grandes tumultos.

Temeroso, o imperador Justiniano pensou até em abandonar o trono, mas foi convencido do contrário pela Imperatriz Teodora.

A repressão foi extremamente violenta, cacula-se cerca de 30 mil mortos.

catarina disse...

"· Principal imperador _ Justiniano (a partir dele, o Império vem declinando levemente)"

Achei essa explicação ambígua.
Esse termo "a partir dele", significa "após a morte dele", né? Tendo em vista que ele foi um célebre governante do Império Bizantino =)

mariliapgalvao disse...

Galera esse resumo ficou muito bom!!!ira me ajudar muito a estudar para a prova de TERÇA- feira.

bab. disse...

Decadência do Império Bizantino:
- Ameaças estrangeiras
- Revoltas sociais e religiosas
- Invasões dos turcos e otomanos. (1453) Idade Média -> Idade Moderna.

Fernanda disse...

O resumo ficou muito bom!Me ajudou muito na prova.Só que me confundi um pouco com o Império bizantino do Oriente por ter faltado a aula e não entendi a dinastia dos Omíadas do povo árabe.